Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

CPAD Jovens – 4 Trimestre 2019 – 08-12-2019 – Lição 10 – Pedro é livre da prisão

04/12/2019

Este post é assinado por Leonardo Novais de Oliveira

TEXTO DO DIA

“E eis que sobreveio o anjo do Senhor, e resplandeceu uma luz na prisão; e, tocando a Pedro no lado, o despertou, dizendo: Levanta-te depressa! E caíram-lhe das mãos as cadeias.”  (At 12.7)

TEXTO BÍBLICO

Atos 12.1-12 

1 Por aquele mesmo tempo, o rei Herodes estendeu as mãos sobre alguns da igreja para os maltratar;

2 e matou à espada Tiago, irmão de João.

3 E, vendo que isso agradara aos judeus, continuou, mandando prender também a Pedro. E eram os dias dos asmos.

4 E, havendo-o prendido, o encerrou na prisão, entregando-o a quatro quaternos de soldados, para que o guardassem, querendo apresentá-lo ao povo depois da Páscoa.

5 Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.

6 E, quando Herodes estava para o fazer comparecer, nessa mesma noite, estava Pedro dormindo entre dois soldados, ligado com duas cadeias, e os guardas diante da porta guardavam a prisão.

7 E eis que sobreveio o anjo do Senhor, e resplandeceu uma luz na prisão; e, tocando a Pedro no lado, o despertou, dizendo: Levanta-te depressa! E caíram-lhe das mãos as cadeias.

8  E disse-lhe o anjo: Cinge-te e ata as tuas sandálias. E ele o fez assim. Disse-lhe mais: Lança às costas a tua capa e segue-me.

9 E, saindo, o seguia. E não sabia que era real o que estava sendo feito pelo anjo, mas cuidava que via alguma visão.

10 E, quando passaram a primeira e a segunda guarda, chegaram à porta de ferro que dá para a cidade, a qual se lhes abriu por si mesma; e, tendo saído, percorreram uma rua, e logo o anjo se apartou dele.

11      E Pedro, tornando a si, disse: Agora, sei, verdadeiramente, que o Senhor enviou o seu anjo e me livrou da mão de Herodes e de tudo o que o povo dos judeus esperava.

12 E, considerando ele nisso, foi à casa de Maria, mãe de João, que tinha por sobrenome Marcos, onde muitos estavam reunidos e oravam.

OBJETIVOS DA LIÇÃO

1 – ANALISAR o contexto da prisão de Pedro e a intercessão feita pelos irmãos; 

2 – NARRAR os fatos e lições da libertação miraculosa de Pedro; 

3 – REAFIRMAR o fato de que Deus ouve a oração de seus filhos.

INTRODUÇÃO

Olá irmãos e irmãs, Paz do Senhor.

Espero que tudo esteja bem com vocês.

O início da Igreja de Jesus Cristo não foi nada fácil…

Quando lemos o livro de Atos que mostra o começo da Igreja, observamos que os cristãos vivenciaram terríveis perseguições.

Precisamos deixar claro que isto tudo havia sido predito por Jesus antes de morrer e ressuscitar, preparando os discípulos para o que aconteceria em breve.

Vamos ler um texto:

“Mas, antes de todas essas coisas, lançarão mão de vós e vos perseguirão, entregando-vos às sinagogas e às prisões e conduzindo-vos à presença de reis e governadores, por amor do meu nome. E vos acontecerá isso para testemunho”. (Lc 21.12,13 – ARC)

As perseguições começaram quando Jesus pregava o Evangelho e não pararam mais.

Apesar de não termos perseguições deste tipo no Brasil, comente com seus alunos que existem muitos lugares no mundo em que os cristãos são perseguidos da mesma forma que a Bíblia nos mostra.

Se for possível, fale para eles que nos países orientais, em especial, aqueles dominados pelo Islamismo, é proibido pregar o Evangelho publicamente e, aqueles que são pegos neste ato, sofrem terríveis consequências, sendo até mesmo mortos.

É no cenário de perseguição ao Evangelho, primeiramente por parte dos judeus e depois pelo Império Romano, que a lição de número 10 está inserida, um contexto de grandes lutas.

1 – A PRISÃO DE PEDRO

1.1 – Herodes Agripa I

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais https://ebdcomentada.com 

Apesar do comentarista ter escolhido este subtópico, não vejo importância em descrevê-lo, a não ser para mostrar aos jovens que o Império Romano, como qualquer império humano, teve homens terríveis, que fizeram coisas abomináveis, sendo capazes de matar filhos, pais e mães.

A história dos imperadores romanos é sórdida e perversa, pois estes homens cometeram pecados terríveis.

A lição fala sobre Calígula, que foi um dos imperadores romanos mais nefastos. A história nos mostra que ele cometeu incestos e que dormia com seu cavalo.

É importante mostrar aos jovens que o homem sem Deus pode cometer coisas terríveis, inclusive mandar prender e matar pessoas pelo simples motivo de desejar agradar o povo.

1.2 – Pedro, o prisioneiro

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais https://ebdcomentada.com 

Analisando o cenário em que a passagem que estamos estudando foi vivenciada, vale a pena comentarmos que o imperador romano, em alguns casos era chamado de deus.

Isto começou com Augustus que criou uma maneira para fazer a sociedade respeitá-lo e centralizar todo o poder na sua pessoa.

Daí para frente, o conhecido culto ao imperador começou a existir, porém, não era um culto destinado ao homem, mas sim à sua essência divina, ou seja, literalmente o imperador era tido como um deus.

Se voltarmos um pouco na história, veremos uma passagem bíblica que nos mostra este desejo do homem, vamos ler:

“E disseram: Eia, edifiquemos nós uma cidade e uma torre cujo cume toque nos céus e façamo-nos um nome, para que não sejamos espalhados sobre a face de toda a terra. Então, desceu o SENHOR para ver a cidade e a torre que os filhos dos homens edificavam; e o SENHOR disse: Eis que o povo é um, e todos têm uma mesma língua; e isto é o que começam a fazer; e, agora, não haverá restrição para tudo o que eles intentarem fazer”. (Gn 11.4-6 – ARC)

Vamos ler o versículo 6 em outra tradução:

“O SENHOR disse assim: —Essa gente é um povo só, e todos falam uma só língua. Isso que eles estão fazendo é apenas o começo. Logo serão capazes de fazer o que quiserem”. (NTLH) 

Antes disto tudo, podemos trazer à memória o que Lúcifer fez no céu, desejando ser maior do que o Senhor.

“Subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo”. (Is 14.14 – ARC)

É importante comentar com os jovens que as intenções do coração humano sem Deus são terríveis.

Sendo assim, o cenário em que a Igreja nasceu não foi nada fácil.

Voltando ao subtítulo, Pedro foi preso por dois motivos, o primeiro, porque pregava uma religião que adorava um certo homem chamado Jesus e isto não poderia acontecer, pois este Jesus estava tornando-se mais importante do que o imperador, e o segundo, porque os judeus, que também não queriam que os cristãos falassem em Jesus, eram vassalos, ou seja, servidores do império romano.

Juntando-se estes dois motivos, o rei Agripa, que pactuava com o Imperador Cláudio, manda prender Pedro, acusando-o de ser o líder de todo aquele movimento, conhecido como “Seita dos Nazarenos”.

A prisão de Pedro, conforme a Bíblia nos ensina, mostra que Agripa tinha medo de ser alvo de uma rebelião, pois, colocou dezesseis soldados para vigiarem Pedro.

Vale a pena abrirmos um parêntese neste tópico para nos lembrarmos que o diabo é um ser terrível, que usa aqueles que lhes estão sob influência.

O número expressivo de soldados pode estar associado a um tipo de pressão humana e espiritual para tentar minar a fé de Pedro, pois humanamente falando era impossível escapar daqueles guardas.

1.3 – A “arma” da Igreja

Evangelista Leonardo Novais de Oliveira

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos que mantemos uma parceria missionária com a EQUIPE SEMEAR, localizada na cidade de Uberaba – MG, que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada