Ensinando e fazendo Missões

Buscar esboços

Nossos Esboços

CPAD Adultos – 3º Trimestre de 2018 – 30-09-2018 – Lição 14: Entre a Páscoa e o Pentecostes

25/09/2018

Esse post é assinado por Eliel Goulart

Texto Áureo

“Cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar (…) E todos foram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.” – Atos 2.1,4

Verdade Prática

Sem a Páscoa, não há Pentecostes; e, sem o Pentecostes, a Páscoa perde a sua eficácia: somente a redenção em Jesus Cristo, que está junto ao Pai, traz o derramamento do Espírito Santo.

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

Êxodo 34.18-29

18 A Festa dos Pães Asmos guardarás; sete dias comerás pães asmos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado do mês de abibe; porque no mês de abibe saíste do Egito. 

19 Tudo o que abre a madre meu é; até todo o teu gado, que seja macho, abrindo a madre de vacas e de ovelhas; 

20 o burro, porém, que abrir a madre, resgatarás com um cordeiro; mas, se o não resgatares, cortar-lhe-ás a cabeça; todo primogênito de teus filhos resgatarás. E ninguém aparecerá vazio diante de mim.

21 Seis dias trabalharás, mas, ao sétimo dia, descansarás; na aradura e na sega descansarás. 

22 Também guardarás a Festa das Semanas, que é a Festa das Primícias da sega do trigo, e a Festa da Colheita no fim do ano. 

23 Três vezes no ano, todo macho entre ti aparecerá perante o Senhor Jeová, Deus de Israel; 

24 porque eu lançarei as nações de diante de ti e alargarei o teu termo; ninguém cobiçará a tua terra, quando subires para aparecer três vezes no ano diante do Senhor, teu Deus.

25 Não sacrificarás o sangue do meu sacrifício com pão levedado, nem o sacrifício da Festa da Páscoa ficará da noite para a manhã. 

26 As primícias dos primeiros frutos da tua terra trarás à casa do Senhor, teu Deus; não cozerás o cabrito no leite de sua mãe. 

27 Disse mais o Senhor a Moisés: Escreve estas palavras; porque, conforme o teor destas palavras, tenho feito concerto contigo e com Israel. 

28 E esteve Moisés ali com o Senhor quarenta dias e quarenta noites; não comeu pão, nem bebeu água, e escreveu nas tábuas as palavras do concerto, os dez mandamentos.

29 E aconteceu que, descendo Moisés do monte Sinai (e Moisés trazia as duas tábuas do Testemunho em sua mão, quando desceu do monte), Moisés não sabia que a pele do seu rosto resplandecia, depois que o Senhor falara com ele. 

INTRODUÇÃO

A paz do Senhor!

Todos os versículos citados são da Almeida Revista e Corrigida. Quando de outra versão, a mesma é mencionada.

Três palavras resumem ao livro de Levítico: adoração, serviço e santidade.

Esta lição trata de duas festividades: a Páscoa e o Pentecostes.

Ambas estão nas primeiras solenidades dos primeiros meses do ano. Equivalendo-se aos nossos meses de março e abril, o mês de Abibe – que significa “espigas verdes” – também denominado mês de Nisã, é o primeiro dos meses.

Êxodo 12.2 – “Este mesmo mês vos será o princípio dos meses; este vos será o primeiro dos meses do ano.”

Compreende-se, então, que o Senhor estabeleceu um novo calendário para Israel. Um tempo tão marcante, ou seja, o da libertação da escravidão do Egito e o início de relacionamento e comunhão com o Senhor. Os povos ao redor de Israel, que derivavam da geração rebelde de Babel, tinham o seu próprio calendário.

Promulgando um novo calendário, um novo tempo, uma nova contagem dos tempos, o Senhor Deus de Israel o separa dos demais povos.

Vamos relacionar as festividades citadas na Leitura Bíblica em Classe:

A primeira, a Páscoa. Data: 14 do mês de Abibe. Quatro dias antes, no dia dez, os israelitas começam o preparo, escolhendo um cordeiro ou um cabrito, sem mancha, reservando-o em observação até o dia 14, já mencionado, somente então seria sacrificado.

Levítico 23.4 e 5 – “Estas são as solenidades do Senhor, as santas convocações, que convocareis no seu tempo determinado: no mês primeiro, aos catorze do mês, pela tarde, é a Páscoa do Senhor.”

Em seguida, a festa dos pães asmos. Levítico 23.9 a 14. O que se destaca aqui é que por sete dias, não poderiam ter fermento em casa. Portanto, os pães eram comidos sem fermento.

  • Em curso a estas duas solenidades, os israelitas moviam, no dia seguinte após o sábado da Páscoa, um molho dos primeiros frutos da terra. Levítico 23.10 a 12a.
  • Após, contava-se sete semanas. Celebrava-se, então a Festa das Semanas. Cinquenta dias depois da Páscoa. Era festa de gratidão pelas primeiras colheitas. Pelas primícias dos frutos produzidos. Levítico 23.15 a 21.

Estas festas eram encontros de todo o povo de Israel com o Senhor.

Quatro verdades se revelam nestas festividades:

1 – responsabilidades da Aliança;

2 – instrução;

3 – reflexão;

4 – comunhão.

Estas festas da Páscoa e do Pentecostes, tipificam para nós, crentes da Nova Aliança, os dois emblemas do Evangelho Pleno: salvação e batismo com o Espírito Santo.

O crente passa pelo Calvário e prossegue ao Pentecostes.

Os pioneiros pentecostais das Assembleias de Deus, no início do Século XX, chegaram ao Brasil, pregando o Evangelho Pleno:

Jesus Cristo salva, cura, batiza com o Espírito Santo e voltará!

I – CRISTO, NOSSA PÁSCOA

1 – Definição

Páscoa – hebraico, pesach. É um substantivo masculino, que ocorre 49 vezes no Antigo Testamento. E com a definição de “passar por cima”.

 A palavra Páscoa é usada pela primeira vez em Êxodo 12.11. Observem que o versículo destaca que não é uma refeição comum. “Esta é a Páscoa do Senhor.” São palavras enfáticas! É o cordeiro de Deus. Sinal de passagem, proteção da morte, preservação da vida. Era para comer apressadamente, mas com reverência solene.

2 – Cerimônia pascoal

Pastor Eliel Goulart

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada


Comentários

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado


Copyright Março 2017 © EBD Comentada