Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

Central Gospel – 1º Trimestre 2020 – 05-01-2020 – Lição 1 – Ele é o Espírito Santo

03/01/2020

Este post é assinado por Leonardo Novais de Oliveira

TEXTO BÍBLICO BÁSICO

Sl 139.1-14 

“SENHOR, tu me sondaste e me conheces. Tu conheces o meu assentar e o meu levantar; de longe entendes o meu pensamento. Cercas o meu andar e o meu deitar; e conheces todos os meus caminhos. Sem que haja uma palavra na minha língua, eis que, ó SENHOR, tudo conheces. Tu me cercaste em volta e puseste sobre mim a tua mão. Tal ciência é para mim maravilhosíssima; tão alta, que não a posso atingir. Para onde me irei do teu Espírito ou para onde fugirei da tua face? Se subir ao céu, tu aí estás; se fizer no Seol a minha cama, eis que tu ali estás também; se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar, até ali a tua mão me guiará e a tua destra me susterá. Se disser: decerto que as trevas me encobrirão; então, a noite será luz à roda de mim. Nem ainda as trevas me escondem de ti; mas a noite resplandece como o dia; as trevas e a luz são para ti a mesma coisa. Pois possuíste o meu interior; entreteceste-me no ventre de minha mãe. Eu te louvarei, porque de um modo terrível e tão maravilhoso fui formado; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem”.

TEXTO DE ÁUREO

“No princípio, criou Deus os céus e a terra. E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas”. (Gn 1.1,2)

OBJETIVOS DA LIÇÃO

Ao término do estudo bíblico, o aluno deverá ser capaz de:

  • Reconhecer quem é o Espírito Santo nas Escrituras; 
  • Apontar sua presença em alguns textos do Antigo Testamento; 
  • Compreender que o Espírito Santo está na trindade e, portanto, também merece nosso temor e nossa adoração. Ele é Deus.

PALAVRA INTRODUTÓRIA

Olá irmãos e irmãs, Paz do Senhor.

Que 2020 seja um ano de bençãos em nossa vida.

A revista deste trimestre abordará a pessoa do querido Espírito Santo.

Teremos 13 lições que tratarão deste maravilhoso assunto.

Pedimos a Deus que este espírito nos inunde com Seu poder e nos ajude a compreender as maravilhas contidas na Palavra de Deus.

O estudo do Espírito Santo de Deus, assim como o comentarista da lição aborda, iniciou-se há muitos anos, porém, após os 3 primeiros séculos da era cristã, o nível de conhecimento que os cristãos possuíam era infinitamente superior ao que os judeus tinham, pois, o início da Igreja foi marcado por um profundo interesse em se estudar as Escrituras Sagradas.

Desde o livro de Gênesis nós observamos o Espírito Santo agindo na Terra e Ele continuará até o dia em que Cristo reorganizar todo o mundo, ou seja, após satanás ser lançado no inferno.

A primeira reunião para se estudar e debater a respeito da terceira pessoa da Trindade foi o Concílio de Niceia em 325, porém, eles não se aprofundaram no estudo da terceira pessoa da Trindade, apenas afirmando que o Espírito Santo estava no mesmo patamar de Deus e de Jesus.

Em 381 d.C., no Primeiro Concílio de Constantinopla o assunto foi retomado através de Basílio, contra os chamados pneumatômacos, que não acreditavam na deidade do Espírito Santo, mostrando que as Escrituras deixavam claro que o Espírito Santo procede de Deus e que Jesus nos ensinou a batizar, usando a trindade, e, se o Espírito Santo faz parte da Trindade, Ele é Deus.

Naquela época existiam os macedonianos, que também não acreditavam na divindade do Espírito Santo e outros grupos que acreditavam que ele era uma criatura.

O assunto só foi encerrado e voltou a ser pauta de uma nova discussão geral no II Concílio de Lyon em 1274, na França, através da “Cláusula Filioque”.

Tal cláusula surgiu da discussão sobre o fato do Espírito Santo ser proveniente somente do Pai, conforme (Jo 15.26), ou do Pai, através do Filho.

Tal assunto causou uma grande divisão na Igreja grega e latina.

Se vocês desejarem conhecer detalhadamente esta questão, acesse:
http://www.clerus.org/clerus/dati/2007-11/23-13/08QUESTAOFILIOQUE.html.

1 – O ESPÍRITO SANTO É REAL

Vejamos o conceito da palavra “real” de acordo com o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa:

  • Que existe de fato. = EFETIVO, VERDADEIRO ≠ IMAGINÁRIO, IRREAL 
  • Que tem existência física, palpável. = CONCRETO ≠ ABSTRATO 
  • Que é relativo a fatos ou acontecimentos. = FACTUAL 
  • Que contém a verdade. = GENUÍNO, VERDADEIRO ≠ ARTIFICIAL, FALSO, ILUSÓRIO

No livro de Gênesis, a Bíblia nos mostra, no capítulo 1 e versículo 2, que o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas.

As palavras no hebraico são “Ruah Elohim”, que é mais bem traduzida por Espírito de Deus.

Vejamos o que o Teólogo Americano Bruce Waltke nos ensina sobre o assunto: 

“Visto que a palavra traduzida por “Espírito” pode também significar “vento”, há quem argumente que isto deve ser traduzido por “vento de Deus” ou “vento poderoso”. Uma boa defesa pode apresentar ou “Espírito” ou “vento”. Na recriação depois do dilúvio, Deus envia novamente um Ruah. Ali evidentemente um vento – sobre as águas. Aqui, contudo, Ruah é modificado por Elohim, que no resto deste capítulo sempre significa “Deus”, não “poderoso”. Assim, Espírito se ajusta melhor com o contexto. Pairando como águia sobre o abismo primordial, o poderoso Espírito prepara a terra para habitação humana. John Sailhamer conecta o papel do Espírito em edificar o templo cósmico de Deus (cf. Sl 104.1-3) com o ato do Espírito em encher Bezalel para construir seu tabernáculo na terra (Êx 31.1-5). 

Desde a criação do mundo o Espírito Santo estava com Deus e era Deus e participou de todo o processo criativo do mundo, não como alguém estranho ao processo, mas como alguém que criou junto.

No Novo Testamento, Jesus foi batizado com este Espírito no Rio Jordão e ouviu-se uma voz que dizia: “Este é meu filho amado, em quem me comprazo”.

Estavam presentes naquele momento, o Pai, o Filho e o Espírito Santo que se apresentou em forma corpórea de pomba.

É interessante reforçarmos que Jesus disse que quando Ele fosse embora, enviaria outro para tomar o lugar Dele, e este fora chamado de “O consolador”.

1.1 – Um integrante da trindade

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais https://ebdcomentada.com 

A palavra “trindade” não existe na Bíblia e vem do latim do latim “trinitas” = tríade, de “trinus” = tripla, porém, sua utilização tornou-se comum ao longo dos anos cristãos e após, como já estudamos, calorosas discussões nos conhecidos concílios.

Os estudiosos chegaram à conclusão que de acordo com alguns textos do Novo Testamento, a doutrina da Trindade é perfeitamente aceita, vejamos: 

“E aconteceu que, como todo o povo se batizava, sendo batizado também Jesus, orando ele, o céu se abriu, e o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea, como uma pomba; e ouviu-se uma voz do céu, que dizia: Tu és meu Filho amado; em ti me tenho comprazido”. (Lc 3.21,22 – ARC)

“Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-as a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos séculos. Amém”! (MT 28.19,20 – ARC)

Também foram observados o texto de Gênesis 1.2 e 1.26, que utiliza a palavra “Façamos”, indicando que existia mais de uma pessoa na criação.

O termo “Elohim” é traduzido como sendo “Deus no plural”.

Sendo assim, acredita-se que o Espírito Santo é a terceira pessoa da Trindade.

1.2 – O Espírito Santo possui características de uma pessoa

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais https://ebdcomentada.com 

Muitas pessoas tem dificuldades para compreender este tópico, pois, se Deus é espírito (Jo 4.23), como ele pode possuir características humanas?

Para esclarecermos isto, é necessário trazer à memória o conceito da palavra “antropomorfismo”, vejamos:

  1. Atribuição de forma, de características ou de comportamentos humanos a seres inanimados ou a seres vivos que não são humanos. 
  1. Sistema que atribui a deus ou aos deuses forma humana. 

A Enciclopédia da Religião conceitua o antropomorfismo da seguinte forma: 

“Gr.: antropos [humano] + morfe [forma], é a atribuição de características humanas às coisas não-humanas. Os antropomorfismos bíblicos são usados principalmente em referência a Deus, que não é visível (João 1:18), nem humano (Nm 23:19; 1 Sm 15:29). Eles também são usados para atribuir características humanas aos anjos (Gn 16:7; 18:1-19:1), Satanás (1 Cr 21:1; Lucas 13:16), e os demônios (Lucas 8:32). O mal é também personificado; descrito como matando (Salmo 34:21) e prosseguindo (Pr 13:21). Raramente qualidades humanas são atribuídas aos animais (Nu 22:28 -30) ou vegetação (Jud 9:7-15)”.

De forma simples, esta linguagem é utilizada quando queremos expressar verdades sobre Deus em forma de emoções ou sentimentos.

Desta forma, quando um autor menciona o fato de Deus ou o Espírito Santo possuir características humanas, ele está utilizando o antropomorfismo.

Vejamos alguns versículos que abordam esta questão:

“Portanto, dize aos filhos de Israel: Eu sou o SENHOR, e vos tirarei de debaixo das cargas dos egípcios, vos livrarei da sua servidão e vos resgatarei com braço estendido e com juízos grandes”. (Ex 6.6 – ARC) 

Deus tem braços? 

“E o SENHOR cheirou o suave cheiro e disse o SENHOR em seu coração: Não tornarei mais a amaldiçoar a terra por causa do homem, porque a imaginação do coração do homem é má desde a sua meninice; nem tornarei mais a ferir todo vivente, como fiz”. (Gn 8.21 – ARC) 

Deus tem nariz?

Um texto muito conhecido: 

“E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o Dia da redenção”. (Ef 4.30 – ARC)

Outra forma de antropomorfismo.

Utilizando o antropomorfismo, a Bíblia diz que Deus, os anjos e até satanás, cheiram, veem, pegam, apalpam, entre outras coisas.

2 – O AGENTE QUE PREENCHE, APROXIMA E CONDUZ

Evangelista Leonardo Novais de Oliveira

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos que mantemos uma parceria missionária com a EQUIPE SEMEAR, localizada na cidade de Uberaba – MG, que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada