Ensinando e fazendo Missões

Buscar esboços

Nossos Esboços

Betel Jovens – 3º Trimestre de 2018 – 30-09-2018 – Lição 14: Jesus e o mundo contemporâneo

27/09/2018

Esse post é assinado por Carlos Henrique Soares

TEXTO DE REFERÊNCIA

Afastem-se do amor ao dinheiro; sintam-se satisfeitos como que vocês têm. Porque Deus disse: Eu nunca, nunca abandonarei você, nem o desampararei.

É por isto que nós podemos afirmar sem qualquer dúvida nem temor: O Senhor é o meu Ajudador, e eu não tenho medo de nada que o simples homem possa me fazer.

Lembrem-se dos seus líderes que têm ensinado a Palavra de Deus a vocês. Pensem em todo o bem que proveio da vida deles, e procurem confiar no Senhor como eles fazem.

Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e para sempre. Hb 13 5-8

VERSÍCULO DO DIA

Jesus Cristo é o mesmo ontem hoje e Eternamente. Hb 13.8

OBJETIVOS DA LIÇÃO

  • Compreender que Jesus sendo um assunto atual;
  • Entender que o poder de Cristo continua operando na humanidade;
  • Perceber que Jesus continua sendo o único caminho que leva o homem a Salvação.

INTRODUÇÃO

O ponto central e o assunto mais importante de todos os fundamentos são a vida e a Obra de Jesus. Tudo na vida de um discípulo deriva do relacionamento e do conhecimento que tem da pessoa de Jesus. O objetivo de Deus para nós, como Igreja, é que cheguemos ao “pleno conhecimento do Filho de Deus” (Ef 4:13).

Jesus não disse que veio trazer uma verdade. Ele disse “Eu sou a verdade”. Jesus não veio trazer simplesmente uma religião, nem uma filosofia, nem um conjunto de regras como código de conduta. Jesus veio trazer Ele mesmo. Ele é a ressurreição e a vida. Para receber esta vida temos que conhecê-lo devemos saber quem Ele é de onde veio, o que Ele falou, o que Ele fez, onde Ele está, etc.

1 – SUAS PROMESSAS

Jesus estava confortando seus discípulos, dizendo: Eu vou levá-los para a casa de meu Pai, e esta vai ser a sua casa, também. Ele diz: “Na casa de meu Pai há muitas moradas”.

A palavra grega morada usada por Jesus é (casa, quarto de uma residência). A palavra que Jesus usou vem do costume judaico que quando um filho se casa, ele antes vai para a casa do seu pai e constroem uma habitação adicional para ele e sua noiva viver, antes que ele retorne para levá-la para casa e consumar o casamento.

O tempo é curto e Jesus estará voltando em breve para sua noiva. Aqueles que entregarem a sua vida a Jesus e O aceitarem como seu Senhor e Salvador, estarão indo para a casa do Pai. Nossos corpos se transformarão em novos corpos glorificados, e viveremos com Ele para sempre.

1.1 – A presença do Espírito Santo

Desde o princípio da criação, temos indícios de que a obra do Espírito Santo consiste em completar e sustentar o que Deus Pai planejou e o que Deus Filho começou, pois em Gênesis 1.2 “o Espírito de Deus pairava por sobre as águas”. E no Pentecostes, com o início da nova criação em Cristo, é o Espírito Santo quem vem conceder poder à igreja (At 1.8; 2.4, 17-18).

Como o Espírito Santo é a pessoa da Trindade por meio de quem Deus manifesta de modo particular sua presença na era da nova aliança, Paulo emprega uma expressão adequada ao referir-se a ele como “primeiros frutos” (Rm 8.23, NVI) e “garantia” (ou “penhor”, 2Co 1.22; 5.5) da plena manifestação da presença de Deus que conheceremos no novo céu e na nova terra (Ap 21.3-4).

1.2 – Jesus conosco no individual e no coletivo

A razão de Jesus vir à terra não era exclusivamente o seu sacrifício na cruz!  Deus prometeu em Isaias 7:14:  “Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho e lhe chamará Emanuel”

O nome Emanuel significa “Deus conosco” (Mt 1:23) e implica mais do que uma breve visita para um ato sacrificial.

Após a sua ressurreição Jesus se levanta e diz aos seus discípulos é diz:

Então Jesus chegou perto deles e disse: – Deus me deu todo o poder no céu e na terra.

Portanto, vão a todos os povos do mundo e façam com que sejam meus seguidores, batizando esses seguidores em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo

e ensinando-os a obedecer a tudo o que tenho ordenado a vocês. E lembrem disto: eu estou com vocês todos os dias, até o fim dos tempos”. Mt 28.18-20   

A adoração coletiva de Deus acontece no contexto da congregação reunida, enquanto a adoração individual de Deus ocorre no contexto da vida diária de uma pessoa. Moldar e estimular tanto a adoração coletiva quanto a individual são aspectos significativos do propósito da igreja.

2 – ELE AINDA É O MESMO

 

Por Carlos Henrique Soares

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada


Comentários

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado


Copyright Março 2017 © EBD Comentada