Buscar esboços

Nossos Esboços

Betel Adultos – 2º Trimestre de 2018 – 24/06/2018 – Lição 13: Em Cristo somos mais do que vencedores

20/06/2018

Este post é assinado por Cláudio Roberto de Souza

TEXTO ÁUREO

1 Coríntios 15:57
57 Mas graças a Deus, que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo. (ARC)

TEXTO DE REFERÊNCIA

Romanos 8:37
37 Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou. (ARC) 

1 João 4:4
4 Filhinhos, sois de Deus e já os tendes vencido, porque maior é o que está em vós do que o que está no mundo. (ARC) 

Apocalipse 1:8,17-18
8 Eu sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso.
17 E eu, quando o vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; eu sou o Primeiro e o Último
18 e o que vive; fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém! E tenho as chaves da morte e do inferno. (ARC)

OBJETIVOS DA LIÇÃO

  • Ressaltar a realidade da batalha espiritual;
  • Apresentar os princípios bíblicos sobre batalha espiritual;
  • Mostrar os princípios bíblicos de vitória e as promessas aos vencedores.

INTRODUÇÃO

Paz seja convosco! 
Com alegria encerramos esta sequência de estudos e tal qual falou o Samuel, também podemos falar: “Até aqui nos ajudou o Senhor” (1Sm 7.10b). 
Nesta última lição, trataremos acerca da guerra espiritual na qual, cada servo de Cristo está envolvido até a volta do seu Senhor ou a sua morte nEle. 
Alguém certa vez disse que a vida não é uma colônia de férias, mas um campo de batalha. 
Encontramo-nos entrincheirados e um inimigo terrível se aquartela à nossa volta. Conspira contra nós e usa todo o arsenal de que dispõe, para nos atingir. É uma luta sem intervalo, pausa ou trégua.
Trata-se de um conflito na qual não existe campo neutro. Somos guerreiros ou vítimas! 
Vamos entender o que é a batalha enfrentada por todo cristão; como ela se desenvolve na tentativa de destruir a nossa fé em Cristo e sua gloriosa promessa de um dia voltar (Tt 2.13). 
Conhecer ao nosso Deus, seu domínio, seu poder e suas promessas é de vital importância para prevalecermos no campo de batalha. 
Neste embate, é imprescindível que saibamos a nossa posição em Jesus Cristo (Rm 8.37)!

1 – A REALIDADE DA BATALHA ESPIRITUAL

É comprovadamente notório que de uns tempos para cá, principalmente a partir dos anos 2000, tivemos uma avalanche de literaturas destinadas ao público cristão sob o tema GUERRA ESPIRITUAL. 
Algumas totalmente descartadas por prevalecer o testemunho humano contrapondo as verdades absolutas das Escrituras, outras, porém, mais equilibradas e coerentes com o Livro do Senhor (a Bíblia). 
Sobre este fastio de livros abordando o assunto, o pastor presidente da CGADB (Conselho Geral das Assembleias de Deus do Brasil), José Wellington Bezerra da Costa, afirma que em cada um desses escritos, o autor tenta defender determinado ponto de vista sobre a matéria, ora apoiando, ora atacando a ênfase atual dada ao mundo invisível, espiritual, onde são travadas as lutas e pelejas encarniçadas pelo domínio das almas humanas. 
Num ponto praticamente todos concordam: o diabo está solto e ativo no planeta terra; “anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar;” (1Pe 5.8). 
Ninguém em sã consciência pode desprezar o poder e a sagacidade do nosso inimigo comum (Satanás), sob pena de ser enganando, manobrado pelo pai da mentira (Jo 8.44), a astuta serpente, que opera no mundo com intuito de matar, roubar e destruir (Jo 10.10). 
Nesta oportunidade, o pastor Marcos Sant’Anna, optou por destacar a realidade da batalha espiritual e os princípios bíblicos que devem ser observados a fim de obtermos a vitória prometida nas Escrituras!

1.1 – O início da batalha espiritual

O primeiro texto bíblico que aponta e evidencia a realidade da existência da batalha oculta, invisível e para muitos misteriosa se encontra em Gênesis 3.15:

Gênesis 3:15
15 E porei inimizade entre ti e a mulher e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar. (ARC)

Como bem mencionado pelo pastor Marcos Sant’Anna, o versículo 15 de Gênesis 3 é chamado “protoevangelho” (primeiro evangelho), pois contém uma promessa de esperança para o casal pecador.
A promessa ali contida aponta para a primeira manifestação do Messias que na plenitude dos tempos nasceria de uma mulher (Gl 4.4) e seria afligido pela causa da redenção humana (Is 53.3,5), no entanto, sairia vitorioso no final (Ap 12.9; 20.2). 
George Herbert Livingston, afirma que a serpente só poderia ferir o calcanhar da Semente da mulher.
De fato, ferir não é forte o bastante para traduzir o termo hebraico, que pode significar moer, esmagar, destruir. Uma cabeça esmagada que leva a morte e contrastada com um calcanhar esmagado que pode ser curado.
Para Mackintosh, a desobediência pelo pecado cometido por Adão e Eva culminou naquilo que a teologia chama de Queda.
Ele resume que Deus tomou graciosamente o assunto nas Suas mãos. Tratou dele como se fosse um caso inteiramente entre Si e a serpente; pois embora o homem e a mulher tivessem sido chamados, individualmente, para colher, de vários modos, os frutos amargos do seu pecado, ainda assim, foi à serpente que o SENHOR Deus disse: “Porquanto fizeste isto”.
A serpente foi a origem da ruína; e a semente da mulher devia ser a fonte da redenção. Adão ouviu tudo isto, e creu. Isto representava um fruto precioso de fé na revelação de Deus. 
Encarando o assunto debaixo do ponto de vista da natureza, Eva podia ser chamada “a mãe de todos os moribundos”, mas no exercício da fé ela era a “mãe de todos os viventes”.
Harold Lindsay disse: “Satanás não é onipotente nem livre para fazer o que deseja. Até pode ser o príncipe deste mundo, mas o Príncipe da Paz desferiu-lhe um golpe mortal”. 
Antes, ele tinha o poder da morte sobre as pessoas, mas este foi-lhe tirado quando Cristo morreu pela humanidade na cruz do Calvário: “… para que, pela morte, aniquilasse o que tinha o império na morte, isto é, o diabo” (Hb 2.14). 
A morte expiatória de Jesus derrotou Satanás e tornou-o impotente em sua ação contra os crentes em Jesus.
A ferida no calcanhar do Filho de Deus destitui três forças ou poderes que afligia o homem (1Co 15.54-57):
1 – O poder do pecado;
2 – O poder de Satanás;
3 – O poder da morte;
 O texto de Gênesis 3.15 também não somente menciona a presença de uma batalha, mas revela implicitamente dois lados e o resultado da mesma:
1 – De um lado estão as trevas do outro a luz;
2 – De um lado a morte, do outro a vida;
3 – De um lado a perdição, mas do outro a salvação;
4 – De um lado o inimigo de nossas almas, do outro o amigo fiel;
5 – De um lado a destruição e a morte eterna, mas do outro lado a regeneração e a vida eterna!
Por fim, o texto de Gênesis 3.15 é contundente, decisivo, preciso, completo e final (apesar de estar no início da Bíblia), pois revela integralmente o resultado cabal do enfrentamento entre o filho de Deus (a semente da mulher) e a antiga serpente!
O mal não tem o destino de ser vitorioso para sempre; Deus tinha em mente um Vencedor para a raça humana e Cristo cumpriu este papel (Rm 16.20)! 
A partir da sentença, o que vemos é um registro histórico contido nas Escrituras onde Satanás investe suas forças e recursos na tentativa frustrada de destruir os intentos divinos (Ap 12.17).

Por Cláudio Roberto de Souza

Para continuar lendo CLIQUE AQUI

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada


Comentários

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado


Copyright Março 2017 © EBD Comentada